sábado, 31 de dezembro de 2011

Retrospectiva Literária 2011


Olá pessoal! Sei que ultimamente o blog tem andado bem parado, mas pra isso tem uma explicação! Desde agosto eu estava fazendo cursinho pré-vestibular, então não tive muito tempo de ler, que dirá fazer novas resenhas e atualizar o blog. Enfim, o vestibular acabou dia 12 de dezembro e estou livre desde então, mas quis aproveitar esse início de férias pra ler bastante e assistir a muitas séries, e aí acabei não postando mais nada por aqui. Mas isso vai mudar, já que agora me atualizei nos livros e seriados e tenho muitas resenhas e posts de séries pra escrever! Mas enfim, esse post é pra eu contar pra vocês tudo o que eu li nesse ano conturbado! Minha meta inicial era ler 50 livros, porém, com toda a loucura que me abateu neste ano, não consegui chegar lá (#todoschoram ;/), mas foi quaaaaaase. Dá uma olhada:

Janeiro:
1. Diários do Vampiro: O Retorno - Anoitecer (L.J. Smith)
2. Cidade dos Ossos (Cassandra Clare)
3. Querido John (Nicholas Sparks)
4. A Última Música (Nicholas Sparks)
5. O Guia do Mochileiro das Galáxias (Douglas Adams)

Fevereiro:
6. Fazendo Meu Filme - A Estreia de Fani (Paula Pimenta)
7. Deixados para Trás (Jerry B. Jenkins e Tim LaHaye)
8. Como Treinar Seu Dragão (Cressida Cowell)
9. Marcada (P.C. Cast e Kristin Cast)

Março:
10. As Brumas de Avalon - A Senhora da Magia (Marion Zimmer Bradley)
11. Chantilly (Mare Soares)
12. A Pirâmide Vermelha (Rick Riordan)

Abril:
13. Strange Angels (Lili St. Crow)
14. O Mundo de Vidro (Maurício Gomyde)
15. Sorte ou Azar? (Meg Cabot)

Maio:
16. A Garota da Capa Vermelha (Sarah Blakley-Cartwright, David Leslie)
17. Beijada por um Anjo (Elizabeth Chandler)
18. A Força do Amor (Elizabeth Chandler)
19. Almas Gêmeas (Elizabeth Chandler)

Junho:
Não li nada... Esse foi o mês da "ressaca literária". Mas em compensação, o mês seguinte foi muito produtivo!

Julho:
20. Meu Marido foi embora. E Agora? (Valéria Araújo)
21. Para Sempre (Alyson Noël)
22. Lua Azul (Alyson Noël)
23. Terra de Sombras (Alyson Noël)
24. Chama Negra (Alyson Noël)
25. Pegando Fogo (Meg Cabot)
26. Fazendo Meu Filme 2: Fani na Terra da Rainha (Paula Pimenta)
27. Fazendo Meu Filme 3: O Roteiro Inesperado de Fani (Paula Pimenta)
28. Diário de uma Paixão (Nicholas Sparks)

Agosto:
29. Traída (P.C. Cast & Kristin Cast)
30. 13 Cascaes (Vários Autores)
31. Escolhida (P.C. Cast & Kristin Cast)

Setembro:
Não tive muito tempo de ler nesse mês e uma ressaca literária ameaçava retornar, então resolvi reler um livro tranquilo e que sempre me empolga com a leitura...
32. Crepúsculo (Stephenie Meyer)

Outubro:
33. Inocência (Visconde de Taunay)
34. Em Busca do Guardião da Luz (Camila Prietto)
35. Lua Nova: Guia Oficial Ilustrado do Filme (Mark Cotta Vaz)
36. Eclipse: Guia Oficial Ilustrado do Filme (Mark Cotta Vaz)
37. Avalon High (Meg Cabot)
38. Os Diários de Carrie (Candace Bushnell)
39. Memórias de um Sargento de Milícias (Manuel Antônio de Almeida)

Novembro:
40. A Estrada da Noite (Joe Hill)
41. Oscar Pill e a Revelação dos Médicus (Eli Anderson)

Dezembro:
42. Jorge, Um Brasileiro (Oswaldo França Júnior)
43. Indomada (P.C. Cast & Kristin Cast)
44. Caçada (P.C. Cast & Kristin Cast)
45. Tentada (P.C. Cast & Kristin Cast)
46. Queimada (P.C. Cast & Kristin Cast)
47. Clarissa (Erico Veríssimo)

Apesar de não ter alcançado minha meta, fiquei bem satisfeita com a quantidade de livros que li, já que 2011 foi o ano que mais li na vida! Tenho cada vez mais me afundado nesse vício chamado leitura, e espero que em 2012 eu possa ler bastante também! Livros não vão faltar, ainda tenho muitos aqui na minha estante esperando a sua vez! Às vezes me dá até um nervoso só de ver a quantidade de livros que comprei e ainda não li hahaha

Daqui alguns dias vou fazer um outro post com as minhas metas pra 2012! Enquanto isso, quero saber de vocês: Quantos livros leram esse ano? :)

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Resenha: A Estrada da Noite (Joe Hill)

Sinopse: Uma lenda do rock pesado, o cinqüentão Judas Coyne coleciona objetos macabros: um livro de receitas para canibais, uma confissão de uma bruxa de 300 anos atrás, um laço usado num enforcamento, uma fita com cenas reais de assassinato. Por isso, quando fica sabendo de um estranho leilão na internet, ele não pensa duas vezes antes de fazer uma oferta.

ISBN: 9788599296134
Ano: 2007
Editora: Sextante
Número de Páginas: 320

Nunca havia lido nenhum livro do gênero suspense/terror, mas sempre tive curiosidade. Esse livro tava super baratinho no Submarino, e eu já tinha ouvido muitos comentários positivos sobre ele, então resolvi comprar. Assim que chegou, não resisti e passei ele na frente da minha interminável fila de leitura e corri pra ler!

A história envolve Judas Coyne, que ainda com seus 54 anos é conhecido por ter feito parte de uma banda de rock - por causa disso, o livro tem várias referências musicais muito boas. Ele ainda vive em função de aprensentações, promoções, contratos, entrevistas, etc; e quem cuida de tudo sobre a sua marca registrada Judas Coyne Ltda. é o seu assistente pessoal Danny Wooten. Danny mora na casa de Jude, assim como a atual namorada do astro, Geórgia. Fora toda fama e negócios, ele é um cara bem tranquilo.

Ele tem uma coleção de coisas bem estranhas, como um livro de receitas canibais e uma fita com a filmagem de um assassinato brutal, e quando aparece a oportunidade de comprar pela internet o paletó de um morto e que era assombrado pelo fantasma do mesmo, ele nem hesita. Quando o paletó chega, coisas estranhas começam a acontecer, e Jude se pergunta se não é coisa de sua cabeça, resultado de todos os problemas que teve durante todos os anos anteriores, ou se realmente estava sendo assombrado.

Durante o livro, é aquela tensão a todo momento, você não sabe o que vai acontecer! Pude imaginar tudo como se fosse um filme, todos os detalhes e tal. Eu que nem sequer havia lido algo do gênero, virei super fã e estou louca pra ler mais coisas assim! Pra quem não sabe, o Joe Hill é filho de um dos maiores escritores de suspense/terror - Stephen King, autor de best sellers que já até viraram filmes de grande sucesso como Carrie, a Estranha; Celular: Um Grito de Socorro; À Espera de um Milagre; entre outros. Parece que realmente quem é filho de peixe, peixinho é! Hahaha
______________________________________________________

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Resenha: Os Diários de Carrie (Candace Bushnell)

Os Diários de Carrie começa no último ano de Carrie do ensino médio. Ela e seus melhores amigos Walt, Lali, Maggie são inseparáveis. E então Sebastian Kydd entra em cena. Sebastian é um bad boy, intrigante e imprevisível. Carrie está em um relacionamento que ela sempre quis ter na escola, até que a traição de um amigo a faz questionar tudo. Com seus tempos de colégio chegando ao fim, Carrie vai perceber que chegou finalmente a hora de ir atrás de tudo o que ela sempre quis.
Os fãs de Carrie vão aprender sobre seus antecedentes familiares – como ela encontrou seu talento para a escrita, e a impressão que suas amizades e relacionamentos deixaram sobre ela.

ISBN: 9788501087171
Ano: 2010
Editora: Galera Record
Número de Páginas: 399

Esse foi um livro que li recentemente e me surpreendeu muito! Nunca assisti à série Sex and the City mas adoro os filmes, e quando soube que havia um livro sobre a protagonista Carrie em sua fase adolescente, corri pra comprar! Tinha visto algumas opiniões negativas a respeito do livro, então fui adiando a leitura. Mas como estou numa vibe chick-lit, resolvi que era hora de me aventurar nessa história!

Carrie Bradshaw nesse livro está com 17 anos e curtindo os anos 80! Achei super legais as referências à essa época e me peguei rindo diversas vezes dos nomes da época - Donna LaDonna, por exemplo, é aquela garota bonitona do colégio, e eu a imaginei igual àquelas loironas dos filmes sobre essa época, sabe? Tipo aquele De Repente 30 hahaha. A moda da época, as músicas... tudo faz com que você visualize melhor o contexto!

Nossa protagonista não é nenhum pouco fraca ou indefesa! Ela sabe exatamente o que quer e faz de tudo para alcançar seus objetivos! Mora no interior, mas sonha ir para NY e se tornar uma grande escritora! Agora, no último ano do colégio, Carrie e seu grupo de amigos estão dispostos a fazer desse o melhor ano de todos! Ela se envolve com Sebastian Kydd, aquele cara bonitão que você acha que nem sabe que você existe, e tudo parece estar indo bem até que...

Bem, você precisa ler para descobrir! hahaha Eu adorei o livro, e o final (mais precisamente a última frase) foi sensacional! Fiquei morrendo de vontade de ler o próximo, que ainda não foi lançado no Brasil, e de ler os outros livros de Sex and the City! Me deu aquela vontade de ver os filmes de novo e talvez até começar a assitir ao seriado!

______________________________________________________

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Evento de "A Filha da Tempestade" hoje em Floripa!

Oi povo! Pois é, parece que Floripa foi colocada no mapa! Vai acontecer mais um evento literário esse mês! Dessa vez será sobre o livro Filha da Tempestade, volume 1 da nova série da escritora Richelle Mead (a mesma de Vampire Academy e Georgina Kincaid)! Então se você curte a autora e seus livros, ou quer conhecer mais sobre eles, vá ao La Padá Café no Beiramar Shopping hoje às 19h30! Segue o banner do evento:


______________________________________________________

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Resenha: Avalon High (Meg Cabot)

Sinopse: Avalon High pode não ser exatamente o lugar onde Ellie gostaria de estudar, mas até que não e tão ruim assim. Uma escola americana normal, frequentada pelos mesmos tipos de sempre: Lance, o esportista; Jennifer, a animadora de torcida; e Will, o presidente da turma, jogador talentoso, bom moço... e muito charmoso! Mas nem todos na Avalon High são o que pensam ser... nem mesmo Ellie, como ela logo vai descobrir. Depois de um esbarrão durante uma corrida no parque, os destinos de Ellie e Will parecem estar irremediavelmente entrelaçados. Ela começa a notar uma série de estranhas coincidências entre o seu cotidiano e a lenda do rei Arthur -nomes similares, triângulos amorosos, sociedades secretas -, mas qual seria seu verdadeiro papel nessa história? Como em Camelot, estariam seus novos amigos fadados a um trágico destino? E, pior, o que ela pode fazer para impedir que uma profecia milenar se cumpra mais uma vez?

ISBN: 9788501074904
Ano: 2007
Editora: Record
Número de páginas: 350

Ok. Todo mundo me falava que esse livro era muito bom. Todo mundo MESMO. Mas mesmo assim, não esperava que ele fosse tão legal quanto foi! Com certeza um dos melhores livros da Meg Cabot!

Ellie vem de uma família bem peculiar: seus pais são professores universitários e fascinados pela Idade Média (Tão fascinados que o nome de Ellie, Elaine, é em homenagem à Elaine de Astolat, Donzela dos Lírios). Eles resolvem tirar férias por um ano para se dedicarem à criação de livros, e se mudam para outra cidade nesse período.

Em Washington, Ellie entra para a Avalon High, e lá conhece Will. Ela sente que o já conhece de algum lugar, porém tem certeza de que nunca o vira antes. Começa a notar então, a grande similaridade entre Will, Jennifer (sua namorada), Lance (seu melhor amigo) e ela mesma, com as antigas lendas do Rei Arthur. Será apenas coinscidência? Loucura resultante de anos ouvindo histórias de seus pais?

Cada coisa está muito bem engajada na outra, e nada fica perdido! Somos surpreendidos do início ao fim, e não dá vontade de largar o livro! Ellie é aquela personagem que a gente gosta de cara, e os outros personagens também são muito bons! Adoraria que tivesse uma continuação... Como sempre, Meg DIVA Cabot se superou!
_____________________________________________________

sábado, 19 de novembro de 2011

Evento de "O Trono de Fogo" hoje em Floripa!

Oi galera! Se você é de Florianópolis, não pode deixar de comparecer ao evento do livro O Trono de Fogo, segundo volume da série As Crônicas dos Kane (confira a resenha do primeiro, A Pirâmide Vermelha, clicando aqui) do autor Rick Riordan, hoje às 18h na Saraiva MegaStore do shopping Iguatemi! É uma oportunidade super legal de conhecer pessoas que curtem ler e discutir sobre livros! Confiram abaixo o banner do evento:

_______________________________________________________

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Seriado: Dexter – 1ª Temporada

Recentemente comecei a assistir à série Dexter, que já está na sexta temporada. É um seriado muito bom e estou louca pra falar sobre ele!


Nesta primeira temporada, conhecemos a história de Dexter Morgan, um serial killer que só mata os caras maus. Aos 3 anos ele foi encontrado em uma cena de crime e adotado pelo policial Harry Morgan.

Agora, anos depois, Dexter e sua irmã adotiva Debra trabalham na Miami PD (Departamento de Polícia de Miami) - ela como policial, e ele como perito especializado em sangue.





No decorrer da série, temos vários flashbacks do passado do nosso protagonista, mostrando seu desenvolvimento até aqui: os ensinamentos de seu pai sobre como parecer normal, como encobrir os rastros ou escolher uma nova vítima, etc. Harry teve um grande papel na vida de Dexter, ensinou a ele como se controlar e matar só quem realmente merece.



Para manter seu "disfarce" de pessoa "normal", Dexter encontrontou uma namorada. A seu jeito, Rita é tão desajustada quanto ele. Ela é super inocente e meiga, tem dois filhos e estava num relacionamento abusivo, e agora está traumatizada. Perfeita para ele.




A grande história da 1ª temporada é o The Ice Truck Killer - o Assassino do Caminhão de Gelo, que deixa suas vítimas em pedaços sem uma gota de sangue. A grande maioria das vítimas são prostitutas, e o Ice Truck Killer parece ter uma simpatia por Dexter: ele sabe seu segredo.


A série é muito boa e vai melhorando a cada episódio! Confiram o trailer da primeira temporada aqui!

Os outros personagens, como a Maria LaGuerta, o Angel Batista, o James Doakes e o Vince Masuka também são muito bons e contribuem bastante para o desenrolar da história!

Já estou assistindo à segunda temporada e logo logo vou comentar sobre ela por aqui! Aguardem!
______________________________________________________

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Resenha: Em Busca do Guardião da Luz (Camila Prietto)

Sinopse: Clara, uma menina de treze anos, que adora “encher o mundo de pontos de interrogação” com sua curiosidade e perspicácia, se descobre pertencente a uma antiga tradição de Mestres que se ocupam em manter o equilíbrio entre os mundos. Isso mesmo! Existem dez Dimensões e a nossa é só a primeira delas. A espevitada menina de trancinhas terá então que se aventurar por essas Dimensões enfrentando perigos e aventuras EM BUSCA DO GUARDIAO DA LUZ - de Camila Prietto.

ISBN: 9788591141401
Ano: 2010
Editora: Independente - Apoiado pelo Governo do Estado de São Paulo
Número de Páginas: 360

Quando comecei, estava meio apreenssiva, não sabia muito bem o que esperar. E digo uma coisa pra você: se você vai começar a ler esse livro, espere o inesperado. Ele é totalmente diferente de qualquer coisa que eu já tenha lido!

Clara é uma pré-adolescente cheia de curiosidade sobre o mundo, que pergunta tudo à todos. Ela é uma artista, tem a habilidade de inventar histórias que a ajudam a se livrar de grandes confusões - ou quase sempre ajudam. É uma sonhadora, literalmente. Todas as noites tem sonhos esquisitos que são registrado no seu "Livro dos Sonhos".

Sua mãe, Elena, uma historiadora conhecida, teve um surto explosivo e instantâneo, e estava internada há um ano na Esphera. Não se sabe muito sobre este lugar... Escola? Religião? Filosofia? Tudo o que se sabe é que os mais renomados profissionais do mundo fazem parte dessa instituição, e os pais de Clara a integram. Alex, seu pai, é um escritor bem renomado, cheio de fãs pelo mundo.

Em uma noite, Clara tem um sonho terrível com seu pai, e quando acorda, descobre que ele está internado na Esphera, em coma. Ela se pergunta se este sonho aconteceu de verdade, e curiosa do jeito que é, vai atrás de respostas. Mas, quando se faz uma pergunta, é preciso estar praparado para o que vai ser respondido.

É a partir daí que a jornada começa! Demorei um pouco pra engatar a leitura por causa da grande quantidade de informações novas. A autora criou um mundo totalmente novo, com todo um conceito, então não é aquele livro rápido... Nos faz mergulhar numa história com grandes aventuras e aprendizados! O livro é cheio de ilustrações, o que é super legal pra poder vizualizar melhor o que se passa.

O ponto ruim que achei no livro foram as demasiadas repetições, que deixavam a narrativa cansativa. Achei alguns erros de revisão, mas nada muito grave. O final foi bom, e como faz parte de uma série, quero muito ler a continuação! E além de tudo, ainda tem um site super bacana com informações adicionais sobre a série, a autora, os personagens e muito mais: www.mestresdaluz.com.br
______________________________________________________

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Resenha: Escolhida (P.C. Cast & Kristin Cast)

Sinopse: Neste terceiro livro da série House of Night, os acontecimentos tomam um rumo misterioso e perturbador. Zoey tenta encontrar uma solução para ajudar Stevie Rae, que luta para manter sua frágil humanidade, antes que ela se transforme num monstro. Entretanto, salvar sua melhor amiga significa ir contra Neferet, e para conseguir o que deseja, Zoey acaba se aliando a uma inesperada pessoa, tornando-se sua confidente e parceira. Para complicar, o horror atinge a Morada da Noite quando dois assassinatos ocorrem. Zoey se vê diante de um drama pessoal e numa posição realmente difícil. Deve guardar segredos, até mesmo de seus amigos, e tomar delicadas decisões, que poderão afetar todos ao seu redor.

ISBN: 9788576792857
Ano: 2009
Editora: Novo Século
Número de Páginas: 284

ATENÇÃO: Essa resenha pode conter spoilers dos livros anteriores da série House of Night. Confira a resenha de Marcada aqui, e a de Traída aqui.

Quando comecei a leitura desse livro, meu desejo era que esse fosse melhor do que o anterior, que sinceramente foi uma decepção para mim. Apesar de não ter gostado de Traída, fiquei feliz com o final, que gerava grande expectativa para o terceiro livro da série. Felizmente, com Escolhida, não me decepcionei.

O livro começa com o aniversário da nossa protagonista, Zoey. Logo no início já temos uma cena de dar raiva envolvendo Zoey, sua mãe e seu "padrastotário". Mas é uma cena bem curta e passageira, e logo somos levados ao drama de Zoey: seus problemas com os relacionamentos que cultiva com três caras diferentes. Se em Traída poderia ser só uma confusão que se passava na cabeça dela, agora em Escolhida as coisas tomam proporções, digamos, físicas.

Além dos seus três namorados, ela ainda tem que lidar com a descoberta que fez no final do último livro: sua melhor amiga que todos pensavam ter visto morrer, na verdade foi transformada em uma espécie de "morta-viva" mal-cheirosa dependente de sangue, ironicamente parecida com o esteorótipo que normalmente se faz dos vampiros. E mais: a responsável por essa transformação (que não só aconteceu com Stevie Rae, como com todos os novatos que supostamente haviam morrido) era a Grande Sacerdotisa e Mentora de Zoey, Neferet. Parece que ela não era aquilo que aparentava. E agora que Neferet sabe que Zoey descobriu seus podres, tudo pode acontecer.

Para tentar proteger seus amigos, Zoey esconde a verdade, e acaba no meio de muitas mentiras. Mas se eles descobrirem que ela andava mentindo sobre tudo, será que a amizade desse grupo irá sobreviver? E seus namorados, Erik (o oficial), Heath (o ex) e Loren (o professor e vampiro adulto, paixão proíbida)? Qual deles ela vai escolher e como vai dispensar os outros? No meio de tanta confusão, ela encontra em Aphrodite uma aliada inesperada. Realmente, parece que tudo está de pernas pro ar!

Escolhida definitivamente recuperou o bom rítimo que encontrávamos em Marcada! A história se desenvolve muito e prende o leitor do início ao fim. Alguns dos problemas criados nos outros livros são solucionados, porém outros aparecem, gerando grande ansiedade e vontade de continuar acompanhando essa trama!
_____________________________________________________

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Resenha: Chama Negra (Alyson Noël)

Sinopse: Enquanto tenta ajudar Haven na transição para a vida imortal e libertar Damen do feitiço que não a permite tocar nele, Ever se aprofunda mais e mais nos mistérios da magia negra. O feitiço, porém, vira contra a feiticeira, e ela se vê presa a seu maior inimigo: Roman. A força estranha e poderosa que toma conta de seu corpo impede que Ever consiga parar de pensar nele e de desejá-lo.
Ela quer resistir à atração incontrolável que a está consumindo. Ele quer se aproveitar desse momento de fraqueza. A ponto de se render, Ever procura a ajuda de Jude, arriscando tudo e todos para salvar a própria vida e seu futuro com Damen...

ISBN:9788580570120
Ano: 2011
Editora: Intrínseca
Número de Páginas: 248

ATENÇÃO: Essa resenha pode conter spoilers do primeiro livro da série Os Imortais, Para Sempre, Lua Azul e Terra de Sombras. Confira a resenha de Para Sempre aqui, a de Lua Azul aqui e a de Terra de Sombras aqui.

No final de Terra de Sombras, Roman arma uma cilada para Ever: ela tem que escolher entre deixar sua melhor amiga Haven morrer ou salvá-la, transmormando-a em uma imortal, consequentemente a condenado à Shadowland, uma terra de sombras para onde os imortais estão destinados a ir no caso de morrerem. Ela acaba por transformar sua amiga, pois não aguentaria vê-la partir sem fazer nada. Agora, em Chama Negra, Ever tem que contar tudo para Haven, dar a notícia do que fez e revelar o que ela é agora.

Ao contrário do que Ever pensava, Haven não fica chateada. Ela está agradecida, pois agora tem um novo motivo para viver, e acha que virou a vampira que sempre sonhou ser, só que com benefícios: linda e imortal, e sem a parte de ter que beber sangue e dormir em um caixão. Ela está tão em êxtase que é difícil para Ever contê-la, explicar como funciona. A principal regra (não contar a NINGUÉM sobre a imortalidade) parece ser um desafio para Haven, que costuma ser meio tagarela.

Além de ter que ajudar sua amiga a passar por todas as mudanças, Ever ainda tem que lidar com alguns problemas não resolvidos: Ela não sabe se pode confiar em Jude (aquele que estava presente em todas as suas vidas, seu companheiro amoroso, até a chegada de Damen), pois viu sua tatuagem do uróboro (simbolo dos imortais perigosos, como Roman e Drina) e ela e Damen ainda não encotraram uma solução para que possam se tocar sem que ele morra, e Roman não quer cooperar e entregar o antídoto. Ela tenta então agir por conta própria e apelar para a magia, apesar dos alertas de Romy e Rayne.

No decorrer da leitura, houve partes em que eu fiquei meio irritada com os acontecimentos, e em outras, fiquei totalmente chocada! Em alguns momentos suspirava aliviada quando Ever não fazia algo extremamente estúpido (porque, vamos combinar, ela é muito impulsiva, não pensa direito antes de agir). Devo dizer que achei o final sensacional! Na minha opinião, salvou o livro! Me empolguei mais nas últimas páginas e me deixou com muita expectatica para ler Estrela da Noite, quinto livro da série, recém lançado pela editora Intrínseca.
______________________________________________________

domingo, 9 de outubro de 2011

Resenha: Fazendo Meu Filme 3 - O Roteiro Inesperado de Fani (Paula Pimenta

Sinopse: Um turbilhão de sentimentos e emoções. Assim podemos definir o terceiro volume de Fazendo meu filme. No mais intenso livro da consagrada série, Fani, agora com 18 anos, volta da terra da rainha mais segura, mais madura, e logo se dá conta de que já não é mais a mesma menina que viajou para a Inglaterra, cheia de anseios e temores. Agora, as expectativas estão voltadas para o vestibular e o tão sonhado namoro com Leo. Mas, como em um bom filme, sua vida é cheia de surpresas, alegrias, decepções e conflitos. Estefânia Castelino Belluz terá de fazer escolhas difíceis e corajosas.
Seja em confusões no namoro, nas dúvidas do vestibular, nas relações com a família ou com as amigas, Fani passa por várias novas experiências e continua a fazer o seu filme, por caminhos às vezes cheios de romance e felicidade, às vezes duros e nebulosos.A envolvente série, que já conquistou milhares de leitores e leitoras em todo o Brasil, promete, neste terceiro livro, muito mais emoções. E o comovente filme de Fani continua a ser escrito…

ISBN: 9788589239394
Ano: 2010
Editora: Gutenberg
Número de Páginas: 424

ATENÇÃO: Essa resenha pode conter spoilers dos outros livros da série Fazendo Meu Filme. Confira a resenha de Fazendo Meu Filme - A Estreia de Fani aqui, e a de Fazendo Meu Filme 2 - Fani na Terra da Rainha aqui.

No final do segundo livro da série, Fani retorna de seu intercâmbio, se entende com Leo e os dois ficam juntos. Confesso que fiquei meio decepcionada, pois depois de conhecer Christian, o brasileiro que ela encontra na Inglaterra, fiquei torcendo para que os dois dessem certo. Mas Fani não conseguiu esquecer Leo de jeito nenhum!

Fani está insegura, pois agora que voltou para o Brasil, notou que muitas coisas mudaram. Tudo parece estar diferente, as pessoas estão a tratando diferente, e isso a faz sentir vontade de voltar para a Inglaterra. Ela ainda mantém contato com Ana Elisa, que conheceu na viagem, e agora mora em Brasília; mas sua amizade com Natália e Gabi parece ter ficado um pouco abalada depois de 1 ano afastadas. Nada é como era antes. Natália está namorando o irmão de Fani, Alberto, e Gabi agora está solteira.

Fani e Leo estão finalmente vivendo o seu grande amor! Mas algumas coisas parecem atrapalhar essa fase dos dois: o vestibular de Fani está chegando e ela tem que estudar para passar nas provas e ainda aguentar a pressão da mãe, que quer que ela faça Direito ao invés de Cinema, seu grande sonho. Além disso, Leo começa a ter crises de ciúme de Fani, que vem sendo procurada por Christian a todo momento.

Apesar de todas as complicações, eles permanecem firmes, e chega uma hora crucial: Será que Fani está preparada para avançar para um nível mais profundo nesse namoro? Em outras palavras, será que ela está prepara para mais do que apenas os beijos dos dois, agora que eles já estão há um certo tempo juntos, e o clima parece esquentar toda vez que começam os beijos?

Esse terceiro livro me surpreendeu bastante. É muito mais maduro e profundo! Os dilemas são muito mais adultos! Mas ainda assim, tem muito humor! Esteticamente, mantém o padrãos dos dois anteriores, a única diferença que notei é que agora, os e-mails que aparecem no final de cada capítulo, não são só da Fani, e sim de todos os personagens (o que faz com que o leitor tenha uma perspectiva mais ampla, além da de Fani, que narra a história). Eu gostei muito do final do livro, e mal posso esperar pra ler o quarto e último livro da série!
______________________________________________________

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Resenha: Diário de uma Paixão (Nicholas Sparks)

Sinopse: Não sou nada especial; disso estou certo. Sou um homem comum, com pensamentos comuns, e vivi uma vida comum. Não há monumentos dedicados a mim e o meu nome em breve será esquecido, mas amei outra pessoa com toda a minha alma e coração e, para mim, isso sempre bastou. Noah Calhoun Assim tem início uma das mais emocionantes e intensas histórias de amor que você lerá na vida... O livro é o retrato de uma relação rara e bela, que resistiu ao teste do tempo e das circunstâncias. Com um encanto que raramente é encontrado na literatura atual, O Diário de uma Paixão de Nicholas Sparks, o consagra como um contador de histórias clássicas, com uma perspectiva excepcional sobre a mais importante e única emoção que nos mantém. Com mais de 12 milhões de cópias vendidas, o livro que emocionou as pessoas ao redor do mundo, foi traduzido para mais de 20 línguas.

ISBN: 9788563219206
Ano: 2010
Editora: Novo Conceito
Número de páginas: 256

Como qualquer outro livro do Nicholas Sparks, Diário de uma Paixão é um livro pra fazer você sonhar acordado. O autor enche o livro de detalhes, o que faz com que você consiga imaginar perfeitamente cada cena e personagens. Tudo muito bem construído! O livro começa com um homem de 80 anos que a cada dia, lê a mesma história para sua esposa, que sofre do mal de Alzheimer.

Todos os dias ele lê a história de amor de Noah e Allie, que se conheceram em um verão em Nova Berna, Carolina do Norte. Eles ficaram juntos o verão todo, e se apaixonam intensamente! Aquele tipo de paixão que não dá pra segurar, e que é única. Eles eram tão diferentes (ele, uma pessoa simples, criado nessa cidadezinha pelo pai; ela, de uma família rica, criada em uma cidade grande pelos pais, que tinham grandes expectativas de que ela fizesse um bom casamento com um homem da mesma classe social que ela), mas achavam que conseguiriam enfrentar tudo por aquele amor. Mas quando o verão terminou, tiveram que se separar. Ela voltou com sua família para sua cidade natal e ele se mudou para o norte, em busca de emprego.

Ao se passarem 14 anos, Noah ainda sonhava com ela. Allie estava noiva de Lon, um advogado bem sucedido, mas assim que viu uma foto de Noah no jornal, soube que precisava vê-lo outra vez. Então, 3 semanas depois, ela foi ao seu encontro. A grande questão é: Será que esse sentimento de 14 anos antes ainda está vivo?

Eu já assisti o filme baseado nesse livro e é um dos filmes que mais gosto! E foi impossível não me apaixonar pelo livro também! A cada página ficava mais presa à história! Depois que o homem termina de contar a história para sua esposa, você não consegue mais parar de ler! É uma história linda, com um final de se emocionar! Cheio de citações de diversos poetas e cartas de amor, e nas últimas páginas encontramos uma série de perguntas para reflexão e uma breve autobiografia do autor. Imperdível!
______________________________________________________

domingo, 18 de setembro de 2011

Resenha: Pegando Fogo (Meg Cabot)

Sinopse: Katie Ellison é uma mentirosa de mão-cheia: está participando do concurso Princesa Quahog do festival anual de Eastport, mesmo odiando esses marisocos, que são marca registrada da cidade. Ela namora um dos astros do time de futebol americano da escola, mas ao mesmo tempo não consegue resistir o charme do ator principal do grupo de teatro... E, além disso, Katie guarda um grande segredo sobre seu antigo melhor amigo, Tommy, que, quatro anos antes, criou um sério tumulto e acabou saindo da cidade.
Agora, Tommy está de volta, e Katie vai ter que decidir se prefere continuar com as mentiras para manter as aparências, ou se finalmente vai abrir a boca e aceitar que as coisas nunca mais serão como antes.

ISBN: 9788501080929
Ano: 2009
Editora: Galera Record
Número de Páginas: 304

Engraçado como a gente começa um livro sem esperar muito e se surpreende. É o que normalmente acontece quando lemos as obras de Meg Cabot! Ela sabe com escrever uma boa história e prender o leitor até o fim! Assim como Sorte ou Azar, estava apreensiva para começar a leitura por causa dos comentários que já havia ouvido a respeito do livro. Não que ele era ruim (vamos combinar, é meio impossível achar um livro da Meg ruim), mas que era meio fraquinho.

Mas, quando comecei, já achei interessante. Katie Ellison é uma garota popular, que mora em Eastport, conhecida pelos Quahogs (os dois tipos: o fruto do mar, e o time de futebol, idolatrado pela cidade) e trabalha no Gull'n Gulp (um restaurante especializado em quahogs) para conseguir dinheiro para comprar uma maquina fotográfica profissional que tanto quer. Ela tem uma melhor amiga chamada Sidney van der Hoff e um namorado chamado Seth Turner. E outro chamado Eric Fluteley. Isso mesmo! Não um, mas DOIS namorados! O "oficial" é Seth, o astro dos Quahogs, mas quando Katie não está com ele, está dando uns amassos em Eric. Mas não passa disso. Então, já que são só uns beijinhos, não pode ser considerado uma traição, não é? Pelo menos, é assim que Katie pensa.

Tudo estava bem até Tommy Sullivan retornar à cidade. Após ter passado quatro anos desde que o "incidente" aconteceu e Tommy ter sido praticamente expulso de Eastport, ele volta, para o desespero de Katie, que está certa de que esse retorno só pode ser por vingança pelo que ela fez com ele há quatro anos (que ela não tem certeza se ele sabe ou não). E ela não pode deixar de notar que ele mudou em alguns aspectos: está INCRIVELMENTE GATO! Quem diria que aquele garoto se tornaria um dia um cara lindo desses? Certamente não ela. E isso acaba tendo um efeito que ela gostaria que não houvesse: por mais que tente negar, sente-se atraída por ele, o que é ridículo, já que ele é o cara que quer acabar com a a vida dela. Ou será que não? Se vingança não foi o que o motivou a voltar, o que mais seria?

Engraçado, tranquilo e fofo, Pegando Fogo é aquele livro que você pega pra ler quando quer espairecer, dar risadas e que te deixa ansiosa pra chegar nas últimas páginas. E quando você chega lá, fica de boca aberta (pelo menos, foi assim comigo)! Gostei muito, foi uma leitura super rápida e gostosa! Sei que tem muita gente que não gostou, mas eu achei bem legal! Um Chick Lit do jeito que só a Meg sabe escrever!
______________________________________________________

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Resenha: Traída (P.C. Cast & Kristin Cast)

Sinopse: Zoey se estabelece na Morada da Noite. Finalmente sente-se incluída e aprende a controlar os seus poderes. Agora ela supera novos desafios, luta contra a morte que se abate sobre adolescentes humanos e sobre a própria Morada da Noite e, de repente, percebe que seu coração e sua alma acabam de ser partidos por uma grande traição.
Nesse segundo livro da série House of Night depare-se com novos mistérios, surpreendentes emoções e muita sensualidade.

ISBN: 9788576792505
Ano: 2009
Editora: Novo Século
Número de Páginas: 344

ATENÇÃO: Essa resenha pode conter spoilers do primeiro livro da série House of Night, Marcada. Confira a resenha aqui.

No final de Marcada, Zoey Redbird toma o lugar de Aphrodite, e por ordem da Grande Sacerdotisa, Neferet, se torna líder das Filhas das Trevas, principal grupo da Morada da Noite. Agora, em Traída, ela tem que lidar com todas as responsabilidades que são adquiridas junto com essa liderança.

O lado emocional de Zoey está afetado: Erik Night (seu quase namorado) está viajando para o Concurso Internacional de Monólogos Shakesperiano, e enquanto isso, ela conhece Loren Blake, um vampiro adulto, que vai para a Morada da Noite como professor ssubstituto, e que dá a impressão de estar flertanto com Zoey (o que ela não consegue deixar de corresponder). Além disso, ainda tem Heath (seu ex-namorado), que ela carimbou (ou seja, fez com que eles fossem ligados, conectados) ao experimentar do sangue dele. Ela se sente culpada por estar flertando com Loren enquanto Erik está fora, e não consegue parar de pensar em Heath por causa da carimbagem. Esse "quarteto" amoroso acaba fazendo do livro um pouco mais maduro (e me fez achar a Zoey bem safadinha, hahaha)

Tendo que conciliar as responsabilidades com as Filhas da Trevas, e seu lado amoroso, Zoey ainda precisa lidar com o fato de que alguns humanos começaram a ser dados como desaparecidos e em seguida aparecerem mortos perto da Morada da Noite. Esses humanos são garotos que ela conhecia de sua antiga vida, de sua escola. O mistério que gira em torno desse fato é o que faz a história prosseguir. Algumas pistas são colocadas no decorrer do livro, o que faz com que o leitor já tenha uma certa ideia do que está para acontecer.

Fiquei um pouco decepcionada com Traída, pois assim que terminei Marcada, esperava muito para a continuação. Encontrei muitos erros de português e achei que o livro começou fraco, mas a partir da metade, melhora. O final definitivamente salvou o livro, e deixa muita expectativa para o próximo da série, Escolhida.
_________________________________________________

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Resenha: Terra de Sombras (Alyson Noël)

Sinopse: Ever e Damen atravessaram diversas vidas e enfrentaram os mais terríveis inimigos com um só objetivo: ficar eternamente juntos. E quando esse sonho está ao alcance das mãos, um poderoso feitiço cai sobre Damen. Agora, para ele, simplesmente tocá-la ou encostar os lábios nos dela significaria a morte, o exílio definitivo em uma terra de sombras.
Desesperada por livrá-lo da maldição, Ever mergulha de corpo e alma na magia e encontra uma ajuda inesperada: um surfista chamado Jude.
Apesar da profunda lealdade a Damen, é inevitável que ela se sinta atraída por esse garoto estranhamente familiar, de olhos verdes, dons mágicos e passado misterioso. Ever sempre acreditou que Damen fosse seu destino - mas e se o futuro tiver reservado outros planos? Com Jude cada vez próximo, pela primeira vez em séculos esse amor é posto a prova.

ISBN: 978-85-98078-98-4
Ano: 2010
Editora: Intrínseca
Número de Páginas: 280

ATENÇÃO: Essa resenha pode conter spoilers do primeiro livro da série Os Imortais, Para Sempre e Lua Azul. Confira a resenha de Para Sempre aqui e a de Lua Azul aqui.

No final de Lua Azul, Ever faz uma escolha terrível: mistura seu sangue ao antídoto que fez para salvar Damen, acreditando que isso ajudará a salvá-lo, sem saber que é só mais um plano de Roman para fazê-la pagar pela morte de Drina. Ao acrescentar o sangue à mistura, Ever fez com que ela e Damen fossem fadados a passar a eternidade juntos mas sem poder ter contato físico. Caso contrário, se houvesse contato, Damen morre no exato momento.

Agora eles precisam encontrar uma forma de desfazer tudo isso. Roman diz que há um antídoto para o antídoto, mas que ele só dará a Ever se ela pagar um preço justo. Um preço que ela não está disposta a pagar. Mas quando Damen e ela não conseguem encontrar uma saída, ela começa a ficar desesperada, e não sabe mais o que fazer. O desejo dos dois um pelo outro só aumenta, e eles imaginam se terão que viver desse jeito por toda a eternidade.

No meio de tudo isso, Ever ainda tem que lidar com a obsessão de Damen de que seu carma voltou para assombrá-lo, de que tudo que está acontecendo nada mais é do que o resultado de seissentos anos de uma vida egoísta; o namoro de sua tia Sabine com seus professor de história, sr Munoz; Haven, que fica cada vez mais desconfiada do que Ever e Damen são de verdade; Miles, que irá viajar para a Itália; Roman, que não para de provocar Ever a cada oportunidade que tem; e por fim, o surgimento de um cara muito interessante chamado Jude, que, devo dizer, tem um papel muito chocante nessa história.

Estou louca para saber como a autora vai resolver toda a confusão devido aos acontecimentos finais desse livro! Mal posso esperar para ver o que me aguarda em Chama Negra, quarto volume da série Os Imortais, de Alyson Noël.
_______________________________________________________

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Resenha: Almas Gêmeas (Elizabeth Chandler)

Sinopse: Ivy está de volta às aulas e, como já era de se esperar, todos estão de olho na garota que estava com Tristan Carruthers na noite em que ele morreu.
Tentando voltar a sua vida normal, acontecimentos estranhos deixam Ivy assustada. Seus pesadelos ficam cada vez mais claros e ela tenta se lembrar com mais detalhes de tudo o que aconteceu na noite do acidente.
O quebra-cabeça comça a ser montado, mas para que ela descubra toda a verdade e livre-se do perigo constante que a rodeia, ela precisa da ajuda de Tristan. E com o passar do tempo, ela votla a sentir a presença de seu amor e então, juntos irão lutar para que Ivy sobreviva.
Mas ainda há uma grande dúvida no coração de ambos: se Tristan salvar Ivy isso significa que sua missão na Terra terá terminado?

ISBN: 978-85-63219-19-0
Ano: 2010
Editora: Novo Conceito
Número de Páginas: 260

ATENÇÃO: Essa resenha pode conter spoilers dos outros livros da série, Beijada por um Anjo e A Força do Amor. Confira a resenha de Beijada por um Anjo aqui, e a de A Força do Amor aqui.

Em A Força do Amor, Ivy estava à beira dos trilhos de um trem, tentando chegar a uma pessoa que estava do outro lado dos trilhos - uma pessoa que ela pensava ser Tristan. Mas não era. Era alguém tentando fazer com que Ivy se jogasse na frente de um trem e morresse. No último instante, Tristan conseguiu salvá-la, com a ajuda de Philip. Porém, agora que sobreviveu, todos pensam que Ivy está enloquecendo a ponto de tentar cometer suicídio, e a tratam feito uma louca que pode novamente tentar se matar a qualquer momento.

Tristan finalmente consegue fazer contato com Ivy e divide com ela tudo o que sabe sobre o acidente que o matou e suas desconfianças de que não foi um acidente, e a alerta a tomar cuidado. As desconfianças sobre Gregory e Eric aumentam, e Will se mostra um grande amigo - talvez até mais do que isso. Agora que Tristan está em um outro mundo - o mundo dos anjos - a dúvida que fica é se ele e Ivy ainda podem ficar juntos.

Fiquei bem contente com rumo que a história levou, o final me agradou bastante! É incrível como essa história deu tantas reviravoltas! Uma hora você ama um personagem, e na outra, odeia. A diagramação é a mesma dos outros dois livros, e nesse ponto você já se acostumou com a forma confusa que ela foi feita. Parece que a trilogia Beijada por um Anjo agora vai virar uma série. O quarto livro, Evercrossed foi lançado em março nos EUA, e em breve será lançado aqui também pela editora Novo Conceito. Agora é aguardar pra ver o que mais pode acontecer nessa história!
______________________________________________________

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Resenha: Fazendo Meu Filme 2: Fani na Terra da Rainha (Paula Pimenta)

Sinopse: Depois de conquistar milhares de leitores e leitoras, a nossa doce e querida Fani volta ainda mais divertida e encantadora. O segundo volume do livro Fazendo meu filme apresenta as aventuras de Estefânia Castelino Belluz na terra da rainha. Sim, na Inglaterra! Longe do grande amor, ela passa por momentos de alegria, dor, saudade, tristeza e, mais do que isso, pode conhecer melhor a si mesma. Sem deixar de lado suas amigas inseparáveis e sua família, ela consegue, no outro continente, viver momentos cheios de suspense, revelações, aventuras, descobertas e emoções fortíssimas! Feliz, triste, preocupada, ansiosa, temerosa, otimista, insegura, cheia de si, apaixonada, desiludida, seja como estiver, Fani mostra a cada página deste livro que não é mais aquela menina tão frágil que muitas vezes se escondia por trás de sua timidez.
Mais do que a história de uma adolescente que se encoraja a fazer intercâmbio e morar fora por um ano, este livro fala de um grande e delicado amor. Em meio a uma avalanche de sentimentos e acontecimentos surpreendentes, ela consegue viver intensamente na Inglaterra, conhecendo pessoas que conquistam seu coração e sua amizade para toda a vida. Porém, o melhor filme de sua vida ainda está para ser contado, ou melhor, vivido…
ISBN: 978858923980
Ano: 2009
Editora: Gutenberg
Número de Páginas: 328

ATENÇÃO: Essa resenha pode conter spoilers do primeiro livro da série, Fazendo Meu Filme - A Estreia de Fani. Confira a resenha aqui.

No primeiro livro da série, Fani finalmente cai na real e admite estar apaixonada por seu melhor amigo, Leo. Quando ela está prestes a embarcar no avião, Leo aparece e os dois se declaram mutuamente e dão aquele beijo de cinema. E aí o leitor fica se perguntando: E agora? Já que Fani está indo morar por um ano na Inglaterra, será que esse romance vai aguentar a distância? Isso é desenvolvido no segundo livro - Fazendo Meu Filme 2: Fani na Terra da Rainha.

O livro começa aonde o primeiro parou: Fani embarcando no avião. Dá uma pena da garota! Quando ela finalmente consegue se acertar com Léo, tem que ir embora. Assim que ela chega na Inglaterra, sua nova família a está esperando. Os pais, Kyle e Julie, e os irmãos Tracy, Tom e Teddy. São todos muito receptivos e fazem com que ela se sinta à vontade. Mas apesar disso, ela não consegue deixar de ficar triste, pois não consegue parar de pensar que ficará um ano longe de sua família, amigas e, claro, de Léo.

Mas, em meio a toda essa tristeza e saudade, ela encontra apoio em sua irmã inglesa Tracy, faz amizade com uma garota em sua sala chamada Ana Elisa, que também é brasileira, e conhece Christian, um cara simpático, SUPER lindo, e que parece estar interessado nela. E eles acabam descobrindo que tem muito em comum! A questão é: Agora que está longe de Léo por um ano, Fani deve aproveitar seu momento ali e dar um chance a Christian? Será que, quando ela voltar ao Brasil, tudo será como era antes?

Sabe aquele livro que te faz sonhar acordada? É esse. Impossível não se apaixonar pela história, ficar imaginando a cidade de Brighton (onde a família inglesa de Fani mora), o colégio em que ela começa a estudar (e que Fani compara a escola de Harry Potter, Hogwarts <3), Londres, aquele ar de antiguidade! É de se ficar suspirando mesmo!

Mantendo o mesmo padrão, a capa é divina! Ainda no mesmo estilo de diagramação do livro anterior, a cada capítulo há uma citação de algum filme de Fani (que continua fanática por cinema!), relacionada ao conteúdo daquele capítulo! A história se desenvolveu muito bem, para todos os personagens, nada ficou faltando! Quem gostou do primeiro livro, vai adorar o segundo!
______________________________________________________

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Resenha: Lua Azul (Alyson Noël)

Sinopse: Ever é agora uma imortal. Iniciada nesse mundo desconhecido e sedutor por seu eterno amado, Damen, está empenhada em conhecer e dominar suas novas habilidades, mas algo terrível começa a acontecer. Acometido por uma doença misteriosa que ameaça, inclusive, sua memória, Damen não percebe que seus poderes se estão esvaindo – enquanto Ever se sente cada vez mais forte.
Desesperada para salvá-lo, ela viaja até a dimensão mística de Summerland, onde não apenas toma conhecimento da misteriosa história de Damen, brutal e torturante, mas também tem acesso aos segredos que regem o Tempo.
Com a lua azul que se aproxima, anunciando uma oportunidade única de se projetar para o passado ou para o futuro, Ever é forçada a decidir entre voltar no tempo e impedir o acidente que tirou a vida de toda a sua família ou ficar no presente e salvar Damen, que parece definhar a cada dia.

ISBN: 9788598078823
Ano: 2010
Editora: Intrínseca
Número de Páginas: 256

ATENÇÃO: Essa resenha pode conter spoilers do primeiro livro da série Os Imortais, Para Sempre. Confira a resenha de Para Sempre aqui.

No final de Para Sempre, Drina, a ex-mulher de Damen, tentou matar Ever mais uma vez. Mais uma vez porque Drina, ao longo de quase quatrocentos anos, em todas as vidas que Ever já teve, a matava, para poder recuperar Damen. Mas dessa vez ela não conseguiu, e em uma incrível reviravolta, dessa vez é Ever quem mata Drina, e vira uma imortal. Riley crusa a ponte e passa para "o outro lado", mas deixa a promessa de que mandará um sinal quando estiver por perto.

Tudo parece bem. Damen tenta ensinar Ever as habilidades de um imortal, como a materialização, e também a agir discretamente para não levantar suspeitas sobre o que eles são. Também dá a ela um estoque do seu elixir (ou como diria Ever, "suco da imortalidade") e a leva para Summerland (A terra onde tudo é possível, o refúgio dos dois), para praticar. Agora que Drina se foi, não há mais ninguém que possa atrapalhar o romance de Ever e Damen. O amor que antes era interrompido continuamente por Drina, finalmente será eternizado.

Mas no meio de tanta perfeição, começam a acontecer coisas estranhas: Damen parece estar doente. Dores de cabeça, fraqueza, perdas de memórias são alguns dos sintomas. Até que piora: Ele age como se não se lembrasse de quem é, muito menos de quem Ever significa para sua vida. Além de Damen, todos ao redor de Ever parecem ter mudado repentinamente: Haven e Miles viram amigos de pessoas como Stacia, Honor e Craig (a "elite" da escola Bay View, de Laguna Beach), todas as pessoas do colégio passaram a ser amigas umas das outras, sem grupinhos, como uma grande comunidade.

Todas essas mudanças passaram a acontecer após a chegada de Roman. Apesar de Ever ter lido sua mente e visto sua aura, e ter constatado que não há nada de errado com ele, ela ainda fica com um pé atrás e não confia nele. Há algo mais do que ele deixa transparecer. Mas parece que só ela vê isso. Todos os outros o acham o máximo. E com o passar do tempo, Ever é rejeitada por todos no colégio, inclusive Damen. O que ela não entende, é como isso pode estar acontecendo. Tenta acreditar que não é culpa deles, que alguém está fazendo tudo isso, manipulando a todos. Mas não desconsidera a possibilidade de que ela seja o problema. Talvez todos estejam realmente felizes e ela esteja sendo paranóica. Mas alguma coisa diz que não.

Preciso dizer que esse livro é muito agoniante! A cada página, me batia um desconforto, ficava indignada, querendo saber o que estava acontecendo, ansiando pelas revelações dos enígmas! Quando chegou o fim, minha reação foi: E agora? Bom, só é possível saber na continuação, Terra de Sombras, terceiro livro da série.
______________________________________________________

domingo, 31 de julho de 2011

Essa Semana #03

Meme semanal hospedado pelo Lost in Chick Lit, onde compartilhamos pequenas informações sobre a nossa semana literária. Tendo como principal objetivo encorajar a interação entre os blogs literários brasileiros, fazer amizades e conhecer um pouquinho mais sobre outras pessoas apaixonada por literatura. Tem interesse em participar? Saiba como aqui!


♥ Leitura do momento:
Vou começar a ler Traída (P.C. Cast e Kristin Cast)

♥ Li essa semana:
Pegando Fogo (Meg Cabot)
Fazendo Meu Filme 2: Fani na Terra da Rainha (Paula Pimenta)
Fazendo Meu Filme 3: O Roteiro Inesperado de Fani (Paula Pimenta)
Diário de Uma Paixão (Nicholas Sparks)

♥ Resenhei essa semana:
A Força do Amor (Elizabeth Chandler)

♥ Super Posts:
Essa Semana #01
Essa Semana #02

♥ Última Compra:
Não comprei nenhum livro essa semana de novo! *comemora!*

♥ Desejo Comprar Urgentemente:
Tô me controlando pra não comprar mais livros... Mas quero muito a coleção "Diário da Princesa" da Meg Cabot *-* Vale ressaltar que quero com as capas antigas, que são muito mais bonitas, na minha opinião.

♥ Conversa imaginária com personagem fictício:
Christian, se a Fani não te quer, eu quero! hahaha

♥ Eu falaria para o autor:
Meg Cabot, você sempre anima meu espírito literário!
Paula Pimenta, você é DIVA! Estou ansiosa pelo Fazendo Meu Filme 4!

♥ Estado de Espirito Literário:
Muito empolgada pra ler, já que era a última semana de férias! mimimi ;/

♥ Literary Crush
Tommy Sullivan <3 (Pegando Fogo - Meg Cabot)
Christian <3 (Série Fazendo Meu Filme - Paula Pimenta)

♥ Feito da Semana:
Adiantar minha fila de leitura!

♥ Queria ver no Brasil:
hmmm, ai nem tô pensando nisso! Não posso ficar desejando que mais livros bons sejam lançados por enquanto... Minha fila de leitura precisa diminuir um pouquinho!

♥ Im in mood for... (gênero literário do momento):
Livros de amorzinho (Fani feelings haha)

♥ Hey Mr, Postman (ultima coisinha que chegou do correio):
Minha compra da Saraiva dos livros da Meg Cabot,
Cartinha da Juh Sutti (Livros e Blablabla) e da Vivi (Filmes, Livros e Séries)

♥ Super Quote:
"Sabe Hogwarts, a escola do Harry Potter? Eu achava que aquela história de divisão dos alunos em casas era invenção da autora, só que descobri que isso não é ficção. A minha escola inglesa também é dividida em quatro casas, e no primeiro dia de aula ficamos sabendo de qual delas iremos participar. (...) A Diferença da minha escola - que se chama Brighton Hill - para Hogwarts é que não é um chapéu seletor que indica quem vai para cada casa e sim ordem alfabética."
(Fazendo Meu Filme 2: Fani na Terra da Rainha - Paula Pimenta)

♥ Vi e viciei (booktrailers, trailers, videos whatever):

Assisti uma parte do DVD Where the Light is, do John Mayer (que, por sinal, entrou pra minha lista de desejados!)... Então aí vai a parte em que ele canta Daughters! É muito amor <3 Confira aqui.

E aí, como foi a sua semana literária? Leu bastante? :)
_____________________________________________________

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Resenha: A Força do Amor (Elizabeth Chandler)

Sinopse: Quatro semanas se passaram desde o acidente em que Ivy Lyons perdeu Tristan, o grande amor de sua vida, e deixou de acreditar nos anjos. Os dias têm sido difíceis e para superá-los Ivy busca forças na família e nos amigos. Sua grande motivação agora é ensaiar para a apresentação de piano no Festival de Artes de Stonehill, já que Suzanne, sua amiga de infância, pensando em animá-la, fez a inscrição, mesmo contra a sua vontade. Ainda sem saber lidar com os seus poderes angelicais, Tristan Carruthers conta com a ajuda de Lacey - um anjo mais experiente - para aprender a tocar nas pessoas, canalizar energia e voltar ao passado. Assim, os dois partem na busca por respostas para o acidente, por uma maneira de Ivy sentir Tristan e, principalmente, de mostrá-la que o acidente foi, na verdade, um assassinato. Todo esforço de Ivy para superar a perda de Tristan é interrompido por pesadelos que a fazem reviver o dia do acidente e se misturam com fatos do dia do suicídio de Caroline, ex-mulher de Andrew, marido de sua mãe. O temor de Ivy é acalantado nos braços de Gregory, seu irmão adotivo. Angustiado pelos contínuos pesadelos da amada, Tristan decide que é a hora de fazer contato e segue seu objetivo com a ajuda de Lacey. Mas como aproximar-se de Ivy se ela não mais acreditava em anjos e ele agora era um? O amor que os une será o canal para Tristan se aproximar de Ivy e alertá-la sobre as pessoas que estão ao seu redor. Será que todos em que ela confia são realmente seus amigos?

ISBN: 978-85-63219-17-6
Editora: Novo Conceito
Páginas: 256
Ano: 2010

ATENÇÃO: Essa resenha pode conter spoilers do primeiro livro da série, Beijada por um Anjo. Confira a resenha de Beijada por um Anjo aqui.

Em Beijada por um Anjo, Tristan morreu e virou um anjo, mas Ivy não consegue mais acreditar em anjos. Segundo ela, se eles realmente existissem, teriam salvo Tristan do trágico acidente. Mas é aí que uma segunda dúvida é lançada: Foi mesmo um acidente? No final do primeiro livro, Tristan lembra dos acontecimentos que precederam sua morte e concluiu que não foi um acidente. Alguém estava querendo acabar com um deles. Mas quem? Qual deles? Será que Ivy ainda corre perigo? Como alertá-la?

Tristan precisa que Lacey, a "anja" que ele encontra, o ajude a aprender a usar as habilidades de anjos temporários para que ele consiga avisar Ivy. Mas não será nada fácil. Essas habilidades exigem muita energia e prática. Enquanto isso, Ivy começa a se aproximar de Gregory, e ele tem sido muito bom para ela. Talvez seja porque os dois agora tem algo em comum: Caroline, mãe de Gregory, morreu alguns meses antes de Tristan. A morte de uma pessoa muito próxima e amada os aproximou. Tristan descobre que sua morte e a de Caroline podem estar conectadas e tenta cada vez mais avisar sua amada. Será que ele vai conseguir alertá-la a tempo?

Em A Força do Amor conhecemos um novo personagem chamado Will, que parece estar interessado em Ivy. Suzanne finalmente conseguiu fisgar Gregory (ou pelo menos acha que sim) e está saindo com ele, Beth continua escrevendo suas histórias de amor e Philip passa a acreditar fervorosamente em anjos. Nada mudou com relação a diagramação: ainda é um pouco confusa. Mas o final é muito bom e nos deixa super ansiosos para saber o que vai acontecer no próximo livro, Almas Gêmeas. Em breve resenha aqui no blog... Fiquem ligados!
______________________________________________________

domingo, 24 de julho de 2011

Essa Semana #02

Meme semanal hospedado pelo Lost in Chick Lit, onde compartilhamos pequenas informações sobre a nossa semana literária. Tendo como principal objetivo encorajar a interação entre os blogs literários brasileiros, fazer amizades e conhecer um pouquinho mais sobre outras pessoas apaixonada por literatura. Tem interesse em participar? Saiba como aqui!


♥ Leitura do momento:
Pegando Fogo (Meg Cabot)

♥ Li essa semana:
Terra de Sombras (Alyson Noël)
Chama Negra (Alyson Noël)

♥ Resenhei essa semana:
Meu Marido foi embora. E agora? (Valéria Araujo)

♥ Super Posts:
Série: Game of Thrones – 1ª Temporada

♥ Última Compra:
Não comprei nenhum livro essa semana! *comemora!*

♥ Desejo Comprar Urgentemente:
Os quatro livros da série Dexter, do Jeff Lindsay

♥ Conversa imaginária com personagem fictício:
Heaven, sua otária!

♥ Eu falaria para o autor:
Alyson, gosto muito dos seus livros, mas de vez em quando acho você meio repetitiva! Sorry!

♥ Estado de Espirito Literário:
Ansiosa para diminuir minha lista de livros não lidos! Agora faltam menos de 70! :S

♥ Literary Crush
Jude <3 (Série Os Imortais - Alyson Noël)

♥ Feito da Semana:
Terminar de assistir a 1ª temporada de Hellcats e começar a assistir True Blood!

♥ Queria ver no Brasil:
Heat Wave e Naked Heat, do Richard Castle [2]

♥ Im in mood for... (gênero literário do momento):
Chick Lit!

♥ Hey Mr, Postman (ultima coisinha que chegou do correio):
Não chegou nada no correio essa semana. *chora*

♥ Super Quote:
"Se aprendi alguma lição com tudo isso, é que a resistência nunca funciona. Combater o que eu não quero serve apenas para materializar exatamente isso."
(Os Imortais: Chama Negra – Alyson Noël)


♥ Vi e viciei (booktrailers, trailers, videos whatever):

Saiu uma promo da 3ª temporada de The Vampire Diaries! OMG! Confira aqui.


E aí, como foi a sua semana literária? Leu bastante? :)
_____________________________________________________

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Resenha: Meu Marido foi embora. E agora? (Valéria Araujo)

Sinopse: É comum casais se separarem, mas a dor sempre fica com aquele que foi abandonado, traído ou trocado. Para as mulheres, mesmo nos dias de hoje, ainda é comum que elas deixem um pouco de lado os seus sonhos e vivam em função da família, e com isso os anos vão passando. Creio que isto ocorra pelo amor que as mães tem aos filhos. É um curso que deixou de fazer para sua realização pessoal e profissional, ou uma viagem que sonhou para escrever seu primeiro livro ou tirar aquelas fotos que poderiam fazer decolar sua carreira de fotógrafa. Esses sonhos vão sendo adiados, e quando elas percebem já é tarde demais, já foram abandonadas e o que vem na cabeça é a revolta e a certeza que ficará ainda mais difícil realizá-los. É muito difícil superar uma separação entre um casal. Quando existem filhos a coisa fica ainda pior.
Neste livro você conhecerá a história de Helena, que sempre sonhou com sua independência financeira desde muito pequena, mas é manipulada por seu marido e acaba deixando sua profissão para cuidar da casa e da filha.O marido de Helena escolhe o pior momento de sua vida para deixá-la. Ela quase enlouquece. Helena enfrenta grande dificuldade para trabalhar, sustentar a casa sozinha e cuidar de sua filha. Você certamente sofrerá junto com Helena e sentirá orgulho dela também. Apesar de ser um drama, a história de Helena é contada com humor. Narrada em primeira pessoa, esta história certamente te fará rir e chorar.

ISBN: 9788563219237
Ano: 2010
Editora: Ixtlan
Número de Páginas: 120

Ganhei esse livro da autora, Valéria Araujo, e estava só aguardando uma oportunidade de ler. Recentemente meu espirito literário andava meio desanimado, então estava procurando uma coisa mais leve e optei pela leitura deste livro. Foi a leitura ideal, pois é bem fininho, super rápido e gostoso de ler. A capa, feita pela Priscila Braga do blog Bookaholic, é a coisa mais fofa!

A história se passa no Rio de Janeiro, e logo de cara somos surpreendidos com uma cena de deixar a boca aberta: O marido de Helena, Rodrigo, decide acabar um casamento de tantos anos por telefone. E justamente quando ela havia acabado de sair de uma cirurgia e se encontrava em uma cama de hospital. Aí você pensa: O QUÊ??? Admito que achei essa situação meio surreal, mas dei continuidade a leitura. Adorei o fato de que os capítulos não tinham uma continuidade, e sim, que cada um explicava uma fase da vida do casal, seja antes da separação - como se conheceram, o casamento - ou depois - Helena saindo do hospital, os conflitos com o agora ex-marido, etc.

A luta de Helena para se reerguer após a separação conturbada é contada com muito humor, você ri diversas vezes. Ela se mostra uma mulher batalhadora, que luta para conseguir sua independência e é agradecida por todas as oportunidades que aparecem. E, apesar de tudo o que passou, ela mostra que é possível dar a volta por cima quando tudo parece contrário. Há sempre uma luz no fim do túnel, basta perseverar!

Confira o booktrailer aqui!
_____________________________________________________

domingo, 17 de julho de 2011

Essa Semana #01

Meme semanal hospedado pelo Lost in Chick Lit, onde compartilhamos pequenas informações sobre a nossa semana literária. Tendo como principal objetivo encorajar a interação entre os blogs literários brasileiros, fazer amizades e conhecer um pouquinho mais sobre outras pessoas apaixonada por literatura. Tem interesse em participar? Saiba como aqui!


♥ Leitura do momento:
Terra de Sombras (Alyson Noël)

♥ Li essa semana:
Meu Marido foi embora. E Agora? (Valéria Araújo)
Para Sempre (Alyson Noël)
Lua Azul (Alyson Noël)

♥ Resenhei essa semana:
Para Sempre (Alyson Noël)

♥ Super Posts:
Série: Game of Thrones – 1ª Temporada

♥ Última Compra:
Avalon High (Meg Cabot)
Rainha da Fofoca (Meg Cabot)
Quando Cai o Raio (Meg Cabot)
Como Ser Popular (Meg Cabot)
O Presente da Princesa (Meg Cabot)
Lições de Princesa (Meg Cabot)
Os Diários de Carrie (Candance Bushnell)

♥ Desejo Comprar Urgentemente:
A Mediadora 2, 3, 4 e 6, da Meg Cabot

♥ Conversa imaginária com personagem fictício:
Ever, pense antes de agir!

♥ Eu falaria para o autor:
Alyson, por favor, pare de me deixar com o coração na mão!

♥ Estado de Espirito Literário:
Depois de semanas sem ler, estou animada, finalmente!

♥ Literary Crush
Damen <3 (Série Os Imortais - Alyson Noël)

♥ Feito da Semana:
Ler 3 livros!

♥ Queria ver no Brasil:
Heat Wave e Naked Heat, do Richard Castle

♥ Im in mood for... (gênero literário do momento):
Literatura Fantástica/Sobrenatural

♥ Hey Mr, Postman (ultima coisinha que chegou do correio):
Cartinha da Tathy, do Eu Sou Assim

♥ Super Quote:
" Bem, sorte nossa que agora é praticamente impossível matá-la, então não há nada que possa nos separar."
(Os Imortais: Lua Azul – Alyson Noël)


♥ Vi e viciei (booktrailers, trailers, videos whatever):

Fui no cinema ver o último filme da série Harry Potter... Sem comentários! Bom demais! Confira o trailer aqui.

E aí, como foi a sua semana literária? Leu bastante? :)
_____________________________________________________

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Resenha: Para Sempre (Alyson Noël)

Sinopse: Depois de perder toda a família em um desastre de automóvel, do qual inexplicavelmente escapou, Ever Bloom tem sua vida transformada por completo. Ela muda de cidade, de escola, de amigos, e precisa aprender a conviver com uma realidade atordoante: após o acidente, Ever adquiriu dons especiais.
Ela enxerga a aura das outras pessoas, ouve seus pensamentos, e com um simples toque pode conhecer a vida inteira de alguém. É angustiante.
Tudo, porém, parece cessar quando Damen se aproxima. Só ele consegue calar as vozes que a pertubam tão intensamente. Mas ela não faz ideia de quem ou o quê Damen realmente é. Só tem certeza de estar cada vez mais envolvida... apaixonada.

ISBN: 9788598078625
Ano: 2009
Editora: Intrínseca
Número de Páginas: 304

Ganhei os quatro primeiros livros da série Os Imortais em um sorteio e estava meio apreensiva para começar a leitura. Isso se deve ao fato de que a grande maioria das pessoas que leram esses livros fizeram comentários bem negativos a respeito da história. Mas, como acredito que sempre devemos tirar nossas próprias conclusões, peguei o primeiro livro, Para Sempre, pra ler. E não me arrependi nem um pouquinho!

Ever Bloom era aquele tipo de garota perfeita, que tem tudo: Tem uma boa e amável família, é bonita, super popular, tem um namorado lindo e acaba de ser nomeada chefe das líderes de torcida do melhor time da escola. Tudo estava bem até que, em um trágico acidente de carro, sua família inteira morre, menos ela. Como não tinha com quem ficar, sua única parente, Tia Sabine, irmã gêmea de seu pai, se propõe a tomar conta dela. De uma hora para outra ela tem que se mudar para uma nova cidade e recomeçar.

Mas ela não passou pelo acidente sem nenhum arranhão. Além de ter sofrido várias fraturas e contusões, uma outra coisa também mudou: Ela se tornou mediúnica - consegue ver as auras da pessoas, ouvir seus pensamentos e conhecer tudo sobre elas com apenas um toque. Por isso, ela se fecha e se priva do contato humano - se esconde em baixo do capuz do moletom e óculos escuros, e vive com fones de ouvido, escutando música alta em seu i-pod para ter um momento de "paz". Se antes ela era uma garota linda e popular, ficou mais conhecida como a esquizitona do colégio. Para sua sorte, ela tem dois amigos tão deslocados quanto ela: Haven, que se faz de gótica para chamar a atenção dos pais; e Miles, gay assumido, que tenta lidar com a negação do pai. Fora que inexplicavelmente, ela ainda consegue se comunicar com Riley, sua irmã já morta.

Mas quando um novo aluno, Damen, se aproxima, ela nota que não consegue ver sua aura, nem escutar seus pensamentos. E mais: quando ela o toca, tudo fica em silêncio novamente - não escuta mais os pensamentos alheios. Mas por que isso acontece? Quem ou o quê Damen é? Por que, dentre todas as garotas da escola, ele foi se interessar logo por ela, a mais estranha?

Preciso dizer, fiquei muito feliz por ter resolvido ler esse livro agora. Animou totalmente meu estado literário, tanto que li em praticamente um dia. Recomendo totalmente esse livro! Estou ansiosa para ler o próximo livro da série! Podem aguardar a resenha de Lua Azul aqui no blog em breve!

_______________________________________________________

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Seriado: Game of Thrones – 1ª Temporada

Olá pessoal! Vou começar uma nova coluna aqui no blog, pois tem uma coisa que tenho feito muito ultimamente (talvez tenho feito até mais do que ler) que é assistir seriados. Assisto várias séries ao mesmo tempo, e recentemente acabou a 1ª Temporada de uma série que eu adorei – Game of Thrones. E eu não podia deixar de falar sobre ela! É demais! Vamos lá!

Game of Thrones é uma produção da HBO, baseada na série de livros de George R.R. Martim, As Crônicas de Gelo e Fogo. A primeira temporada é baseada no primeiro livro da série, Guerra dos Tronos. A série contou com dez episódios e estreiou nos EUA em 17 de abril e no Brasil no dia 8 de maio. Assim que o primeiro episódio, "Winter is Coming", foi ao ar nas telinhas americanas, os produtores da HBO renovaram a série para uma segunda temporada. Parece que as expectativas para a super produção foram supridas: 2,2 milhões de pessoas assstiram à estréia de Game of Thrones, e somando-se este ao número de pessoas que assistiram às duas reprises exibidas logo em seguida, foram constatados 4,2 milhões de espectadores.


Os cenários são incríveis! INCRÍVEIS! Até o autor da série, George R.R. Martin aprovou: "É como se estivesse em um dos meus sonhos" – disse. O figurino, a maquiagem, tudo foi muito bem feito. Realmente, uma super produção! O elenco também não ficou por menos: Os atores foram muito bem escolhidos, e cada um representou muito bem as características de cada personagem.



Todos os personagens estão interligados. Lord Eddard Stark é casado com Catelyn Tully, e juntos têm 5 filhos: Robb, Sansa, Arya, Bran e Rickon. Mas, Ned Stark também tem um filho bastardo, Jon Snow. Eles vivem em Winterfell, ao Norte, e quando Jon Arryn, a Mão do Rei (uma espécie de braço direito do rei) morre, Ned recebe a proposta de ocupar seu posto e ficar lado a lado de seu amigo e rei, Robert Baratheon. Rei Robert é casado com Cersei Lannister, a rainha e mãe da princesa Myrcella e de príncipe Joffrey, prometido em casamento à Sansa Stark. Cersei é irmã de Jaime e Tyron Lannister, que por ser um anão, é tão deslocado quanto Jon Snow, que decide ir para a muralha se juntar a Guarda da Noite. Robert Baratheon, o atual rei, destronou e matou o antigo rei, Aerys Targaryen, bem
como seu herdeiro e primogênito Rhaegar, mas deixou vivo Viserys e Daenerys Targaryen. Viserys é o herdeiro por direito do trono, e tenta de todos os modos recuperá-lo. Por isso, entrega sua irmã Daenerys como esposa à Khal Drogo, líder de uma tribo Dothrak, em troca de que seu khalasar (exército) ficasse em seu favor.

Eu já havia começado a ler o livro antes da série, então logo no primeiro episódio pude notar o quanto o seriado foi fiel ao livro. É tudo como imaginamos! Até as falas dos personagens são indênticas! Ainda não terminei a leitura porque o livro é gigantesco e com uma letra minúscula que dói meus olhos, mas estou lendo aos pouquinhos e assim que terminar vou fazer uma resenha!


Confira o trailer da série aqui.

A Season Finale foi ao ar no dia 19 de junho nos EUA e obteve 3 milhões de espectadores, e adicionando a reprise, 3,9 milhões de pessoas! Nas telinhas brasileiras, no dia 3 de julho a HBO fez um especial de duas horas exibindo os dois últimos episódios da temporada de uma só vez. A série teve uma média de 8,3 milhões de espectadores, e com os acontecimentos da season finale, a 2ª temporada, que será baseada no segundo livro de As Crônicas de Gelo e Fogo, A Fúria dos Reis, está mais aguardada do que nunca! As filmagens começam dia 25 de jullho, mas para a tristeza e ansiedade dos fãs, a série só retornará em 2012. Só nos resta aguardar e rever a primeira temporada! E você que ainda não viu: O que está esperando?


In the Game of Thrones you win or you die.